terça-feira, 19 de julho de 2011

DEFESA DO CONSUMIDOR VAI APELAR CONTRA TAC FIRMADO ENTRE MP E LIGHT

A Comissão de Defesa do Consumidor da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), presidida pela deputada Cidinha Campos (PDT), vai apelar ao Tribunal de Justiça do Rio por não concordar com o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) firmado entre o Ministério Público e a Light em função dos casos de explosões de bueiros na cidade. Para a comissão, o TAC não atende os interesses da população, porque as medidas são “muito brandas e não resolvem o problema a curto prazo”. Além disso, o órgão considera a multa de R$ 100 mil, por explosão, irrisória devido à gravidade da situação e à capacidade econômica da concessionária.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos