quinta-feira, 3 de maio de 2012

RESTAURANTES E LANCHONETES DEVERÃO INFORMAR INGREDIENTES DOS PRATOS


Restaurantes, lanchonetes e demais estabelecimentos que comercializam e entregam alimentos para pronto consumo deverão identificar os ingredientes utilizados no prato. A medida, que busca evitar casos de intoxicação e reações alérgicas, foi aprovada pela Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) nesta quarta-feira (02/05), em segunda discussão. O texto, número 120/11, é assinado pelo deputado Chiquinho da Mangueira (PMDB) e será enviado ao governador Sérgio Cabral, que terá 15 dias úteis para sancionar ou vetar a proposta. O parlamentar lista as reações que poderão ser evitadas com as informações a serem oferecidas. “As reações ocasionadas são diversas, dependendo do grau da alergia. As mais comuns são: náuseas, vômitos, diversos tipos de erupções na pele, inchaço de todo o corpo ou partes, dores no corpo, problemas no aparelho respiratório e diarreias, podendo levar os alérgicos a ficarem internados ou até mesmo sofrerem reações anafiláticas que podem ser fatais”, cita o autor.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos