quinta-feira, 31 de maio de 2012

ESTADO TERÁ CAMPANHA PERMANENTE E NÚCLEO DE COMBATE AO HIPOTIREOIDISMO


Agora é lei: o hipotireoidismo, causado pela baixa produção de hormônios pela glândula tireoide, será alvo de campanha permanente no estado. Publicada no Diário Oficial do Executivo desta quinta-feira (31/05), a lei 6.255/12 cria atividades de prevenção, controle e combate ao mal, que causa sonolência, constipação, diminuição do apetite, fraqueza muscular, depressão, entre outros efeitos. A nova regra é assinada pelo deputado Bernardo Rossi (PMDB), que defende que a campanha, ao disseminar ações de prevenção, como o consumo de sal iodado e a realização de exercícios, e informações sobre os sintomas, pode reduzir os casos. “É fundamental que as pessoas tenham acesso a informações sobre esta condição porque o hipotireoidismo tem sintomas que podem ser confundidos com outras doenças e a falta de tratamento adequado sobrecarrega o coração”, alerta. A foi sancionada com vetos parciais a dois artigos, e deve retornar a plenário para apreciação dos deputados.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos