quinta-feira, 1 de setembro de 2011

FRENTE DA ALERJ E CNJ MONTAM GRUPO PARA DISCUTIR PROCESSO DE ADOÇÃO

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) vai formar um grupo de trabalho para propor resoluções visando agilizar os processos de adoção em todo o país. A decisão foi tomada após reunião realizada nesta quarta-feira (31/08), em Brasília, entre a corregedora-geral do CNJ e ministra do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Eliana Calmon, e o presidente da Frente Parlamentar Pró-Adoção da Assembléia Legislativa do Rio (Alerj), deputado Sabino (PSC). Segundo o deputado, foram apresentadas três propostas principais para agilizar os processos de adoção. “A ministra se comprometeu a montar um grupo de trabalho que terá a participação democrática da Frente, do Ministério Público e de representantes de grupos de adoção e que será responsável por desenvolver resoluções a serem aprovadas pelo órgão”, explicou Sabino.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos