quinta-feira, 30 de junho de 2011

COMISSÃO DEFENDE INDENIZAÇÃO A FILHOS DE VÍTIMAS DE HANSENÍASE

O pagamento de uma pensão mensal, a título de indenização e no valor de R$ 750, aos filhos de vítimas de hanseníase que foram isoladas compulsoriamente pelo Governo federal até 1986 foi defendido pela Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), presidida pelo deputado Bruno Correia (PDT), em audiência nesta quinta-feira (30/06). Presidente da cerimônia e membro da comissão, a deputada Enfermeira Rejane (PcdoB) considerou o pleito justo, uma vez que nenhum dinheiro compensará o trauma que esses filhos viveram. “Todo esse transtorno causou lesões, não só físicas, mas também psicológicas. Como vimos aqui hoje, muitos filhos desses enfermos sentem, até hoje, o que foi ficar longe de seus pais, de suas mães, de maneira tão cruel. Iremos exigir do Governo uma reparação por esse dano tão grave, causada a essas pessoas. Sabemos que nenhum dinheiro irá apagar o que essas pessoas passaram, mas uma indenização, ao meu ver, é mais do que digna”, argumentou a parlamentar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos