quinta-feira, 5 de agosto de 2010

ALERJ APROVA CRIAÇÃO DE REDE DE ATENÇÃO ONCOLÓGICA

O Estado do Rio terá uma rede integrada de atendimento e acompanhamento de casos de câncer. É o que estabelece o projeto de lei 3.447/06, que a Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou, nesta quarta-feira (04/08), em segunda discussão. A proposta, assinada pela deputada Graça Matos (PMDB), esclarece que a rede – a partir de convênios com entidades públicas, privadas e não governamentais – regulará o fluxo de pacientes em tratamento no estado e serviços de diagnóstico, cirurgias e cuidados paliativos. “A rede levaria o tratamento de câncer aos pacientes, dentro de seus municípios, próximos às suas residências, humanizando o atendimento, resgatando a cidadania e dignidade”, argumenta a parlamentar, que prevê uma programação “pactuada em bases sólidas e factíveis, organizada, integrada e regionalizada, com hierarquização e fluxos definidos”. O texto será enviado ao governador Sérgio Cabral, que terá 15 dias para vetar ou sancionar a ideia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos