quarta-feira, 26 de maio de 2010

MEDALHA POST MORTEM PARA FREI TITO REFORÇA LUTA CONTRA A TORTURA

“São noites de silêncio, vozes que clamam em um espaço infinito. Um silêncio do homem e um silêncio de Deus”. As palavras escritas por Frei Tito antes de morrer, em 1974, serviram de base para que o presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio, deputado Marcelo Freixo (PSol), realizasse, nesta terça-feira (25/05), um evento que se transformou em uma “manifestação contra qualquer tipo de tortura no mundo”. Freixo entregou a amigos e familiares de Tito a mais importante comenda concedida pelo Legislativo Fluminense, a Medalha Tiradentes. “Foram muitas as vitórias que já conseguimos aqui na Casa, mas essa homenagem e esse resgate da memória de Frei Tito alimentam-nos de esperança e nos levam cada vez mais na direção da luta contra os atos de desrespeito aos direitos humanos”, justificou o parlamentar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos