terça-feira, 20 de abril de 2010

ADVOGADO DIZ QUE JUÍZA FOI AMEAÇADA POR ATUAR CONTRA GRUPO OPPORTUNITY

Procurador aposentado, Sérgio Antônio de Carvalho afirmou que recebeu uma proposta do empresário e estudante de Direito Eduardo Raschkovsky para trabalhar na defesa do caso do grupo Opportunity, do banqueiro Daniel Dantas, alvo da operação Satiagraha da Polícia Federal (PF). Carvalho, que é marido da juíza da 2ª Vara Empresarial Márcia Cunha, disse que negou a oferta quando descobriu que a avaliação judicial do caso estava justamente nas mãos de sua mulher. A afirmação foi feita à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) criada para investigar denúncias de tráfico de influência e venda de sentenças judiciais no processo eleitoral, em reunião nesta terça-feira (20/04). O marido da juíza afirmou ainda que, após a decisão de sua mulher, que foi contrária aos interesses do grupo e do empresário, “cerca de 20 processos” foram ajuizados contra ela, que passou a receber ameaças de pessoas armadas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos