quinta-feira, 8 de outubro de 2009

PLANO DE CARGOS DO RIOPREVIDÊNCIA SERÁ DEBATIDO ANTES DE NOVA VOTAÇÃO

O presidente da Comissão de Trabalho, Legislação Social e Seguridade Social da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), deputado Paulo Ramos (PDT), anunciou, em audiência pública, nesta quinta-feira (08/10), que pedirá ao presidente da Casa, deputado Jorge Picciani (PMDB), e ao líder do governo, deputado Paulo Melo (PMDB), para que a votação das emendas ao projeto de lei complementar 30/09, que trata do plano de cargos e remunerações do Fundo Único de Previdência Social do Estado do Rio (RioPrevidência), não ocorra até que as emendas apresentadas ao texto original possam ser debatidas entre os parlamentares, os representantes da categoria e o governo, que seria representado pelo secretário de Estado de Planejamento e Gestão, Sérgio Ruy Barbosa. O pedido foi feito após a ausência do secretário a mais uma audiência da comissão. "Causa-me surpresa a ausência. Até mesmo porque já tínhamos acordado essa reunião desde ontem. Porém, entendo que o secretário esteja agora tomando conhecimento das emendas sugeridas na votação desta quarta-feira (07/10). Por isso, vamos trabalhar para que a matéria só seja votada depois deste encontro, no qual debateremos as emendas e tentaremos contemplar os servidores do extinto Instituto de Previdência do Estado do Rio de Janeiro (Iperj) com aquilo que eles têm direito", explicou o parlamentar.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA
VEJA FOTOS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos