quinta-feira, 3 de setembro de 2009

HOSPITAIS PODERÃO USAR TAMBÉM SERINGAS COM PROTEÇÃO ESPECIAL

Agora é lei: os hospitais que não possuírem seringas retráteis poderão utilizar modelos projetados com um protetor para travar a agulha, de modo a prevenir acidentes e contaminações. É o que determina a Lei 5.531/09, de autoria do deputado Dionísio Lins (PP), sancionada pelo governador Sérgio Cabral e publicada no Diário Oficial do Poder Executivo desta quinta-feira (03/09). A norma altera os artigos 1º e 2º da Lei 5.185/08, que determinavam apenas o uso de seringas retráteis nos hospitais, clínicas públicas e privadas do estado. A nova lei, no entanto, mantém a obrigação de que estas seringas sejam colocadas em lixo especial ou destinações específicas.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA
VEJA FOTOS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Galeria de Fotos